Economia Política Últimas Notícias

GOVERNADOR WITZEL AFASTADO DO CARGO PELO STJ

GOVERNADOR WITZEL AFASTADO DO CARGO PELO STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou o afastamento imediato do Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), do cargo. Ele é acusado de irregularidades em contratos na Saúde. O vice, Cláudio Castro, assume o Governo.
A ordem de afastamento é decorrência das investigações da Operação Placebo, iniciada em maio, e da delação premiada de Edmar Santos, ex-secretário de Saúde.

O STJ também expediu mandados de prisão contra o Pastor Everaldo, presidente do partido PSC, e Lucas Tristão, ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do estado.
A Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão contra a primeira-dama, Helena Witzel, e no Palácio Guanabara — sede do Governo.

O fato coincide com momento difícil na área de Segurança. Mais uma vez, o Rio de Janeiro foi palco ontem de confronto entre facções criminosas, gerando cenas dramáticas nas reportagens de TV.

AUXÍLIO – Caixa Econômica começa a pagar hoje a última parcela do auxílio emergencial de R$ 600.
Hoje, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, discute com ministros, no Palácio do Planalto, a prorrogação desse auxílio para trabalhadores informais e população carente.

É dado como certo que o abono vai vigorar, de setembro a dezembro, no valor de R$ 300.
Nesse período, deve haver decisão sobre o futuro programa assistencial, chamado de Renda Brasil, que pode substituir o Bolsa Família a partir de janeiro de 2021, em valor ainda não definido.

BRASIL – Ao longo da semana, o número de óbitos no Brasil pela covid-19 se manteve, na média, abaixo de mil, o que parece tendência positiva.
Ontem, foram registrados 984 novos óbitos, elevando o total a 118.649.

Os estados com o maior número de mortes foram São Paulo (29.415), Rio de Janeiro (15.859), Ceará (8.265), Pernambuco (7.480) e Pará (6.102).

TRUMP – Nos Estados Unidos, Presidente Donald Trump foi formalizado ontem como candidato à reeleição, na convenção do Partido Republicano.

EUROPA – Impressiona ver que diversos países europeus retomaram medidas restritivas anti-covid-19 nesta semana, diante da retomada de casos em níveis variados.
O mais recente alerta se dá em Portugal, onde os efeitos do coronavírus foram mais leves. Ontem, o país adotou novas medidas de suspensão de atividades.

JAPÃO – No Japão, Primeiro-Ministro Shinzo Abe renuncia ao cargo por problemas de saúde. Não é covid-19.

TESOURO – O Tesouro Nacional receberá ajuda de R$ 325 bilhões do Banco Central (BC). A medida foi aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).
O dinheiro virá do lucro cambial do BC no primeiro semestre, que somou R$ 478,5 bilhões.

O resultado positivo decorreu da alta de 35,6% do dólar no primeiro semestre. Como o dólar corrige as reservas internacionais brasileiras, o lucro cambial do BC dispara em momentos de desvalorização do real.

CORREIOS – Tribunal Superior do Trabalho decidiu julgar o dissídio coletivo da greve dos trabalhadores dos Correios.
Parte dos funcionários estão em greve desde 17 de agosto, discutindo o novo acordo coletivo.

POPULAÇÃO – Números do IBGE apontam que o Brasil tem 211.755.692 de habitantes.
São Paulo é o estado com maior população: 46.289.333.

AGENDA – Na Agenda de hoje, Presidente Bolsonaro se reúne com Ministro da Tecnologia, Marco Pontes, às 11h30.
E às 15h, participa da Celebração do Dia do Voluntariado.

ECONOMIA – Dólar fechou ontem a R$ 5,58, com recuo de R$ 0,034 (-0,6%).
O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores, ficou estável, aos 100.624 pontos.

Entrevista TVN Brasil - Tempos de Mudança